domingo, 9 de agosto de 2015

E hoje minha homenagem é para eles, nossos maridos e “pais de FIV”


Neste dia dos Pais, com as redes sociais bombando com fotos com os filhos, um Facebook de mensagens das esposas, imagino que meu marido sinta algo parecido com o que sinto no dia das Mães. Por isso, o post de hoje é uma homenagem a todos nossos maridões, companheiros neste processo de quem é tentante e de quem está bem perto de conseguir realizar seu sonho.

Penso que todo o processo da FIV é muito marcante para a mulher, no aspecto psicológico e físico, mas que o homem não pode ser excluído de forma alguma. Talvez eles não consigam se expressar da mesma forma que nós, mas também sentem muito toda a pressão.

Meu marido tem sido carinhoso e um ótimo enfermeiro ao aplicar as injeções (rs...). Saber que ele está por perto, que cuida de mim e que faz o melhor para tudo dar certo, é uma parte importante de tudo isso.

Quero muito que no próximo ano já estejamos com nosso(s) filho(s) no colo no próximo Dia dos Pais e, enquanto isso não acontece, fica minha mensagem ao meu companheiro nesta trajetória – que estendo a todos os maridos que passam por algo semelhante.

Como já havia comentando, não contamos para ninguém sobre as FIVs, ficou um segredo nosso. Pode ser que o peso deste segredo seja maior por não compartilharmos com a família, mas optarmos por ficar somente conosco, até que tudo dê certo. Não sei como será o andamento deste ciclo, mas se eu mudar de ideia contarei aqui.

Outro segredo é este blog, ele não sabe que escrevo e não lerá a homenagem, mas fica aqui o registro de meu agradecimento por cuidar de mim e por sonhar comigo neste nosso desejo.

Hoje aplicarei, além do Gonal e Luveris, também o Cetrotide. Amanhã cedo tenho meu terceiro ultrassom (último antes da punção, acho que será na sexta, não sei bem, dependo dos óvulos aqui no reservatório... a barriga tá inchada e espero que estejam bonitões). Bjs e uma ótima semana a todas!